Quero seguir esse blog!

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

CÓPIA DO NATURAL...MENTAL


O ponto de partida foi olhando e pintando ao ar livre essa paisagem com essa imensa arvore que surgia a distancia à frente de um canavial, ficou muito tempo guardado parado, sem terminar. Então distante no tempo e espaço mas, próximo na memoria, fui traduzindo esse tempo e espaço para o presente através de cores e formas frescas, restaurando a verdejante feliz memoria do lugar.