Quero seguir esse blog!

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Roberto e seu processo criativo

Robero Correia, aluno frequentador do Ateliê há muitos anos, tem um processo criativo muito interessante e sui-generis de executar seu trabalho. Se apoia sempre na figura de um "homenzinho" que sempre desenha na mesma sequencia. Hora essa figura é a das notas de dinheiro dos cruzeiros antigos, hora é escravo no tronco, hora é trabalhador de construção civil, etc. Funde primeiro e segundo plano em um só, criando a ilusão de transparencia da vida real, como se tudo não fosse coisas, mas o espirito das coisas. Mas Roberto é assim mesmo, é só espirito nesse mundo, o resto não precisa, se sustenta assim, com seus desenhos e pintura que emerge durante horas a fio, em casa e no ateliê, saindo fora dessa realidade, criando todas abstrações desse mundo. Preenche cadernos e mais cadernos com as imagens mais simbolicas de objetos e situações, construido varios estereotipos de sua maneira de perceber as coisas. As vezes, forma composições abstratas magnificas, mas quando perguntamos para ele o que é, sempre tem um universo semiotico de significados e significantes unicos para nos explicar.














Um comentário: