Quero seguir esse blog!

sexta-feira, 26 de junho de 2009

ATELIÊ DA JUVENTUDE


Este quadro é uma referencia ao o lugar que alojei meu ateliê quando jovem, era um quartinho no fundo da casa assobradada, espaço que meu pai construíra na varanda do fundo da casa, dividindo-a com um biombo de madeira, improvisando assim um espaço o qual me isolava do mundo .
Por ser um sobrado e ficar mais alto, o céu estava sempre presente da visão do ateliê, motivo das nuvens; para esconder as paredes nuas de madeira pregava vários recortes de revistas, inclusive algumas de mulheres nuas, que na época descobriam apenas algumas partes; a cabeça de Van Gogh caída sobre a mesa era uma escultura em madeira que estava trabalhando; a escultura da grávida, ao centro, em branco, havia ganho de uma amiga, que por acidente deixei-a quebrar, para reparar o meu dano, coloquei-a no quadro; O quadro pendurado no céu era uma pirogravura entalhada na madeira, tendo o original, portanto apenas a cor de madeira queimada, no entanto na pintura ele cria a cor do real, a qual ele não tinha; o violão era objeto obrigatório e permanente assim como um aparelho de som marca Grudwing que tocava meus vinis da época; o gato surgiu do imaginário e o balão de gás com um rosto festivo indica o mundo de fantasias que vivia.
Na verdade era meu lugar de imaginar e sonhar com a vida. Assim como no quadro, que possui uma certa atmosfera surreal, sonhadora. Na verdade, era tanto investimento na parte subjetiva que muitas vezes a realidade e a fantasia se confundiam.

Miguel Angelo Barbosa

2 comentários:

  1. (Tio) Super Mig,
    me lembro até do cheiro que vinha do tanque de lavar roupas, no seu ateliê da juventude.
    Acho que você nem sabe mas a vó Olga me deixava ficar lá nas tardes que eu tinha que ficar com ela, com a condição de não mexer em nada.
    Lembro da vitrola, da mesa de desenho, da divisoria cheia de mulheres de revistas com aquelas sandálias de tirinhas amarradas na perna,etc eeeehhhhhhhh tempo bom!!!
    bjs
    Monica

    Obs: É o ateliê da casa da Floriano Peixoto que me lembro.

    ResponderExcluir
  2. Miguel, acho que isso tudo é da época em que nos conhecemos... faz tempo... e você nunca me retratou, embora sempre dissesse que o faria...
    Alice

    ResponderExcluir